Media

6 Jan 2017

Grupo Tecnorém - Jantar de Fim de Ano 2016

TECNORÉM PREVÊ DUPLICAR VOLUME DE NEGÓCIOS EM 2017

Uma das maiores empresas do concelho de Ourém, a Tecnorém, prevê duplicar o volume de negócios já em 2017. Após um ano de “sementeira”, conforme explicou ao mediotejo.net o presidente do conselho de administração, Carlos Baptista, o grupo já conseguiu adjudicar mais de 20 obras para o próximo ano e espera dentro de três anos poder estar entre as maiores empresas de construção do país.

O balanço do ano foi realizado aos funcionários durante o tradicional jantar de Natal, na quinta-feira, 29 de dezembro, no Centro de Negócios de Ourém. Ao mediotejo.net, Carlos Baptista explicou que a empresa se encontra “estável”. “Foi um ano de sementeira, em que nós semeámos bastante em investimentos, atendendo à conjuntura”, referiu. “Pensamos que esses investimentos que semeámos terão uma colheita profícua em 2017”, frisou.

O empresário explicou que durante 2016 quase não houve adjudicações, tendo o volume de negócios não ultrapassado os 20 milhões de euros. Mas “prevê-se um cenário positivo, porque já temos em carteira um conjunto de obras elevadas”, que perfazem 40/50 milhões de euros em todo o grupo. Por tal prevê que seja necessário contratar mais recursos humanos, sobretudo nas áreas da engenharia. Neste momento os projetos que o grupo tem executado situam-se sobretudo nas áreas do ambiente e saneamento, por todo o país.

Nascida em 1989 na área da construção civil e obras públicas, a Tecnorém é uma empresa familiar que tem vindo a crescer gradualmente no setor, diversificando-se nos últimos anos para outras áreas de negócios. Atualmente possui investimentos também na área da saúde sénior, reparação de automóveis, equipamentos hoteleiros e climatização, administração de imóveis e indústria de madeiras. Dá emprego atualmente a cerca de 410 funcionários.

Durante o jantar de Natal a administração homenageou os trabalhadores com 10 e 20 anos de casa. Carlos Baptista lembrou o ano “muito difícil, com muita falta de trabalho”, com “falta de concursos, falta de vistos do Tribunal de Contas”. Por tal, “fizemos investimentos quer eram necessários na empresa”, em mais de 2 milhões de euros.

No ano de 2017, “a não ser que venha um vendaval”, poderá registar-se um pico no volume de negócios, adiantou. “Hoje já estamos a concorrer ao lado das maiores empresas do país”, salientou, manifestando o desejo que dentro de três anos a Tecnorém esteja ao mesmo nível. “Se não houver nada em contrário o nosso grupo será um dos maiores do país nos próximo anos”, terminou.

 

No jantar estiveram presentes os meios de comunicação Jornal O Mirante e Jornal Médio Tejo, os quais autores das citações publicadas nos respectivos sites e acima mencionadas:

http://www.mediotejo.net/ourem-tecnorem-preve-duplicar-volume-de-negocio...

http://omirante.pt/sociedade/2016-12-30-Tecnorem-investiu-cerca-de-dois-...

19 Oct 2016

27 ANOS TECNORÉM, ENGENHARIA E CONSTRUÇÕES, S.A.

A 19 de Outubro de 2016 a Tecnorém, Engenharia e Construções, S.A, comemora 27 anos de presença no mercado. O Presidente da empresa e do Grupo Tecnorém, Engenheiro Carlos Batista realça que, todos os dias, os mais de 300 colaboradores que ali trabalham dão o seu contributo para o engrandecimento desta empresa de Engenharia e Construção com sede em Ourém.

 «Trabalhamos afincadamente para ser no setor uma das melhores empresas portuguesas. Sabemos que não é uma tarefa fácil, mas sentimos que estamos no bom caminho e que esse objetivo poderá, a seu tempo, ser conseguido.»

Por estes 27 anos, Parabéns Grupo Tecnorém! 

6 Oct 2016

1º Lugar no Concurso publico para execução da construção da Unidade de Saúde Familiar da Benedita

Foi adjudicada a obra de empreitada da nova Unidade de Saúde Familiar (USF) da Benedita já começou devendo estar as obras concluídas em meados de 2018. A obra da nova USF está avaliada em 1,5 milhões de euros.

Localizada no Município de Alcobaça, segundo a Câmara Municipal, considera-se ser "um projeto muito ambicionado que pretende dar toda a dignidade na prestação de cuidados de saúde primários aos Beneditenses, bem como o primeiro passo no sentido da requalificação de toda a zona central da Benedita, conforme projeto já apresentado publicamente".

A autoria do projeto de arquitetura e especialidades é de PORMIN, ARQUITECTURA E ENGENHARIA, LDA. 

A Tecnorém, Engenharia e Contruções S.A. classificou-se com o 1º lugar no concurso para a execução da construção da USF da Benedita, com uma área da intervenção 7625,00 m2.

http://www.regiaodecister.pt/pt/noticias/obras-da-usf-da-benedita-arranc...

 

 

6 Oct 2016

Adjudicação do Concurso Privado para execução da construção do Mac Donald´s - Fátima

Foi adjudicada e já se encontra em execução a empreita de construção do novo restaurante McDonald´s em Fátima, concelho de Ourém.

A autoria do projeto de arquitetura e especialidades é da Hexadome, Arquitetura e Gestão de projetos , Lda.

A Tecnorém, Engenharia e Contruções S.A. vai executar a obra avaliada em 1.086.576.76€ milhões de euros.

 

http://www.mediotejo.net/ourem-e-oficial-mcdonalds-quer-abrir-restaurante-em-fatima/

12 Jan 2016

1º Lugar no concurso para a execução da construção do Colégio Mira-Rio, Lisboa

Durante longos anos, o edifício do Convento de Telheiras, em Lisboa, manteve-se vazio enquanto a cidade evoluía à sua volta. Esse crescimento urbano fez desaparecer os terrenos afectos ao Convento e grande parte do traçado da Estrada de Telheiras original, restando hoje apenas um troço entre a torre da igreja do Convento e o antigo Solar de S. Vicente, que funciona como Biblioteca Municipal.

Apesar de tudo, a escala das construções da envolvente mais próxima, bem como a presença de grandes manchas ajardinadas, permitiram ao antigo Convento de Telheiras manter um protagonismo urbano próximo do seu carácter original, ilustrando (parcialmente) um mundo já desaparecido de relação entre rural e urbano, típico de Lisboa.

A intenção de agora aí instalar um colégio surge como uma oportunidade para recuperar e valorizar essa memória da cidade, ainda pressentida, ao mesmo tempo que se procura compreender, satisfazer e superar as necessidades associadas ao novo programa funcional. A autoria do projeto de arquitetura para a reabilitação e ampliação do Convento para o Colégio Mira-Rio é de LGLS Arquitectos, Lda e CVDB Arquitectos.

Interiormente no Convento, os usos procuram adequar- se à estrutura espacial e construtiva existente, com um mínimo de alterações e adequando a imagem proposta à especificidade da natureza programática: espaços de direção, de professores, salas de estudo e de silêncio, biblioteca e espaços multiusos.

Na ampliação do Convento, localizaram-se os espaços lectivos - de creche, jardim infantil, escola primária e secundária – e os espaços complementares – cantina, zonas desportivas, capela e átrio formal, servidos por uma estrutura de circulação que retoma o tema do claustro e celebra o uso de diferentes pátios e espaços exteriores, do ponto de vista do uso, da escala, da permanência ou da sua leitura simbólica.
Esta ampliação apenas toca na pré-existência do Convento, através de passagens e propostas de leitura da paisagem. Volumetricamente, procura criar um embasamento para o Convento, sem interferir com a imagem deste para a cidade.

A Tecnorém, Engenharia e Contruções S.A. classificou-se com o 1º lugar no concurso para a execução da construção do Colégio Mira-Rio, Lisboa, 7625,00 m2.

https://www.publico.pt/local/noticia/convento-da-lugar-a-colegio-feminin...

30 Sep 2015

Participação no Concurso Público de conceção para a elaboração do projecto do Parque Urbano de Arruda dos Vinhos

O Projeto do Parque Urbano da vila de Arruda dos Vinhos procura dar resposta a diferentes necessidades que se apresentam para o espaço, nomeadamente o da criação de espaços de lazer equipados, a articulação de percursos pedonais e de uma ciclovia com a malha urbana, a criação e reorganização do estacionamento automóvel e a limpeza da margem do rio, potenciando a sua contemplação e o controlo das cheias.
A topografia do lugar destaca-se por uma encosta íngreme, na qual se procurou o aproveitamento das condições topográficas e da relação com o Rio Grande da Pipa.

 

Buscou-se um compromisso com a topografia natural do terreno e com soluções e materiais que reforçassem a serenidade da paisagem como elemento singular.
Uma imagem de contemporaneidade marca o edifício, que se apresenta ligado à presença da antiga construção da nora. O “antigo” e o “novo” harmonizam-se não competindo entre si.

28 Aug 2015

Secretário de Estado da Saúde inaugura residência para seniores da TMG

A TMG Residência para Seniores é uma instituição privada de apoio social localizada no concelho de Ourém. Iniciou a sua actividade em 2008 na zona da Melroeira com um Lar que passou a integrar a Rede Nacional de Cuidados Continuados Integrados de Tipologia de Longa Duração e Manutenção em 2009. Em Fevereiro de 2015 foi atribuída à TMG a tipologia de cuidados paliativos.

Em 2013 aquela unidade foi integrada no novo edifício, edificado na zona da Caridade, também em Ourém, mantendo no entanto o edifício 1 na Melroeira. O novo edifício foi inaugurado formalmente no dia 28 de Agosto de 2015 pelo secretário de Estado  adjunto do ministro da saúde, Fernando Leal da Costa. Construído de raiz, o equipamento tem capacidade para 80 camas.

O investimento foi de cerca de quatro milhões de euros e foram criados 70 postos de trabalho. Para o administrador da TMG, Carlos Batista, trata-se de uma mais valia para o concelho.

A Unidade de Cuidados Continuados assegura actividades de manutenção e estimulação; cuidados de enfermagem diária; cuidados médicos; prescrição e administração de fármacos; apoio psicossocial; controlo fisiátrico periódico; cuidados de fisioterapia e de terapia ocupacional e da fala; animação sociocultural; higiene conforto e alimentação; apoio no desempenho de todas as actividades de vida diária; os demais serviços e actividades necessários ao funcionamento desta.

A TMG 2 dispõe de uma equipa multidisciplinar de profissionais de saúde e apoio psicossocial, nomeadamente: Assistentes Sociais, Psicóloga, Terapeuta da Fala, Fisioterapeutas, Gerontóloga, Enfermeiros, Médico, Auxiliares de Acção Directa, Cozinheira e Ajudantes de Cozinha. Esta equipa tem o intuito de ajudar na manutenção ou recuperação do estado de saúde do utente, proporcionando-lhe bem-estar e garantindo-lhe uma melhoria de qualidade da vida.

 

http://www.noticiasdefatima.pt/public/sociedade/tmg-residencia-para-seni...

http://www.omirante.pt/noticia.asp?idEdicao=&id=84699&idSeccao=481&Actio...

7 Aug 2015

Participação no Concurso Público de conceção para a elaboração do projecto do Parque Urbano de Oliveira de Frades

O projeto procura dar resposta a diferentes necessidades, como a criação de espaços de lazer e de passeio.
A área de intervenção é intercetada por dois eixos, no cruzamento de um dos quais, com a avenida, encontra-se uma praça de geometria triangular como principal ponto de entrada no parque. Aqui contempla-se ao fundo a construção proposta.
A solução procura tirar partido da topografia natural do terreno e de alinhamentos com a envolvente.
Avista-se o lago numa localização central e sobre este encontra-se um dos eixos dominantes do projeto, que pontualmente assume a forma de ponte.
O segundo Núcleo surge no culminar de um segundo eixo, onde é proposta uma solução de anfiteatro natural e um palco inserido numa estrutura que se afirma na paisagem.
O parque procura a vivência e a experiência dos espaços verdes, direcionando para o seu interior. Os arranjos exteriores preveem a colocação de espécies vegetais variadas,
características da zona e o acesso a pessoas com mobilidade condicionada.
Junto ao edifício salientam-se a escadaria de acesso frontal, que lhe confere um carácter de destaque, assim como a escada que o atravessa. O piso superior surge “apoiado” sobre o piso térreo e este apresenta volumes que ora avançam, ora recuam e revelam jogos de aberturas e filtros para a paisagem.

 

Buscou-se a serenidade da paisagem como elemento singular, na relação com elementos de exceção.
Uma imagem de contemporaneidade marca o edifício onde a arquitetura desperta a intensidade do sentir e do lugar.

28 Jul 2015

Associação de Bem-Estar de Urqueira inaugurou novo Lar de Idosos e Centro de Dia

A freguesia de Urqueira, no concelho de Ourém, tem desde o passado domingo, 28 de julho, uma nova resposta social com a inauguração do Lar de Idosos e Centro de Dia da Associação de Bem-Estar de Urqueira.

O Lar de Idosos e Centro de Dia de Urqueira foi adjudicado à empresa Tecnorém, Engenharia e Construções Lda e tem um prazo de execução de 730 dias.

 

http://www.rederegional.com/index.php/saude/12990-lar-de-idosos-e-centro...

http://auren.blogs.sapo.pt/2012/08/?page=2

http://www.cm-ourem.pt/index.php/municipio/freguesias/urqueira/2118-2015...

26 Jun 2015

Mário Azevedo distinguido pela Ordem dos Engenheiros

Mário Miguel dos Santos Azevedo, ex-aluno do MIEA da FCTUC, foi distinguido pela Ordem dos Engenheiros com o Melhor estágio de admissão 2014 da região centro pelo Colégio de Engenharia do Ambiente. O prémio foi entregue pelo Bastonário no dia 30 de maio em Cantanhede, durante o XVII Encontro Nacional do Engenheiro. O estágio decorreu na empresa Tecnorém, Engenharia e Construções S.A., empresa onde trabalha desde 2011. O estágio culminou com a realização de um relatório intitulado “Ambiente na Construção” e incidiu nas três vertentes de engenharia onde o técnico exerce a sua atividade profissional: Estudo e Conceção de Projetos de Engenharia, Orçamentação e Planeamento de obras de infraestruturas (abastecimento de água, drenagem de águas residuais, ETAR’s e ETA’s) e Acompanhamento Ambiental em Obra.

Neste momento a Tecnorém, Engenharia e Construções S.A. encontra-se a realizar a reabilitação das Estufas Tropicais e Espaço Ciência no Jardim Botânico, para a Universidade de Coimbra.

http://www.uc.pt/fctuc/dec/tambempodeinteressar/mario_azevedo

Pages